85 98873.4554 letic_rib@hotmail.com
Bate-papo Criança & Leitura

Bate-papo Criança & Leitura

aula de campo grupo encantosNo próximo sábado, dia 20, a Livraria Cultura será cenário de um bate-papo com tema pirulitante: A Importância da Leitura. Será uma verdadeira aula de campo com entrada livre. Um encontro especial com autoras de obras infantis, que vão contar suas histórias e conversar com pais e suas crianças.

Tâmara Bezerra, arte-educadora, escritora, contadora de histórias e autora do livro “Histórias que fazem voar”; Juliana Parente, professora, escritora e autora do livro “A família encantada”; Iusta Caminha, professora, escritora e autora do livro “Enchente”; Ana Carolina Bittencourt, professora, contadora de histórias e autora do livro Teresa e a Chuva, são as convidadas do momento literário.

Não dá para perder! Será às 10h30.

Como está o sono do seu filho?

Como está o sono do seu filho?

sono infantil Isa XavierA pediatra Isa Xavier fez post que explica um pouco sobre o sono dos pequenos e dá dicas para melhorar a noite:

“Durante a infância, a criança vivencia constantes modificações no sono que refletem o grau de maturidade e desenvolvimento do sistema nervoso central.
Do nascimento até o 6º mês de vida, o sono vem em ciclos de 3 a 4 horas no primeiro mês de vida, independente de ser noite ou dia. Entre o primeiro e o quarto mês, o bebê vai se adaptando progressivamente à luz e fazendo um sono mais longo quando é noite.
O primeiro indício de que o bebê está adequando seu ritmo biológico ao dia de 24 horas é entre a 3ª e a 4ª semana de vida. O bebê fica mais agitado e chorando, geralmente no final da tarde ou início da noite (entre as 17 e 22 horas). É a chamada “hora da cólica”.
Em torno do 6º mês de vida, os períodos de sono já chegam a 6 horas, geralmente com dois períodos noturnos separados pelo despertar para mamar. A consolidação do sono noturno ocorre gradualmente a partir daí.
Entre 2 e 3 anos, o sono noturno deve estar consolidado. Os períodos de sesta durante o dia tendem a diminuir e até acabar. A dificuldade de separação dos pais se reflete na ansiedade, na dificuldade de dormir e nos medos noturnos. Nesta fase é fundamental manter as rotinas para dormir. Os distúrbios do sono são comuns entre 20 e 30% das crianças nesta faixa etária.
Se seu filho está na pré-escola, procure evitar a sesta no final da tarde. Ela pode interferir no sono noturno. Nesta faixa, cerca de 15 a 30% das crianças ainda têm distúrbios de sono.
A transição para o padrão adulto de sono inicia a partir dos 5 anos e vai até os 12. O horário de acordar é fixo nos dias de escola. São frequentes, nesta faixa, os pesadelos e as parassonias (movimentos anormais que resultam na interrupção do sono)”.

DRA. ISA XAVIER
(85) 3045-1145
@draisaxavier

O que fazer quando o filho traz objeto da escola?

O que fazer quando o filho traz objeto da escola?

psicologa PiruliteiA psicóloga Tamara Maia fala um pouco sobre o que os papais devem fazer quando os filhos chegam com objetos que não são seus em casa:

“Para começar esse assunto gostaria de considerar que para o universo do adulto esse ato pode parecer um “roubo”, no entanto o que normalmente leva a criança a pegar algo do coleguinha é a vontade de satisfazer um desejo seu.
Esse ato vem de uma vontade muito grande de ter algo e de não se frustrar por não ter.

- As regras de convivência são aprendidas com o tempo e com as experiências de vida, para nós é muito claro que não devemos pegar o que é do outro, para a criança isso vem sendo construído.

- Algumas alternativas de como lidar com esse tipo de situação:

▫ Dialogar com a criança buscando compreender o lado dela, ou seja, reconhecer que você sabe que ele (a) gostaria muito de tal objeto, porém o que não é nosso nós devolvemos.
▫ Orientar a criança para que ela tenha algum gesto de pedido de desculpas. Isso poderá ser escrever uma carta, fazer um desenho, enfim, algo que convide a criança a ter noção das consequências dos seus atos.
▫ Pensar nessa situação como uma oportunidade na qual a criança poderá tirar grandes lições de empatia. Perceber o sentimento do outro quando nota que chegou em casa e não encontrou o seu objeto.
Lembrar-se de como não é legal quando procuramos algo e não achamos. Entender que cada um possui os seus pertences e que eles são importantes para nós”.

Tamara Maia | CRP: 11/00971.
Psicóloga de Crianças e Adolescentes.

Vacinação gripe x resfriado

Vacinação gripe x resfriado

imunize vacinaçãoVeja a seguir algumas respostas para dúvidas frequentes sobre a gripe e a vacinação, por Lara Maia, pediatra cap da Clínica Imunize.

“O que é gripe?
A gripe é uma infecção viral causada pelo vírus Influenza, que se apresenta com febre, dor no corpo, dores de cabeça e sintomas respiratórios como tosse, congestão de vias aéreas e dificuldade para respirar. Os sintomas variam de leves a graves, podendo levar ao óbito, dependendo do grau de agressão do vírus e principalmente do estado imunológico, nutricional e até psicológico do paciente.

Qual a diferença entre gripe e resfriado?
O resfriado pode ser causado por vários tipos de vírus que provocam sintomas semelhantes ao da gripe, variando de leves a graves, dependendo muito do tipo de vírus agressor e principalmente do estado geral do paciente.

Não existe uma vacina específica contra resfriado, pois existem centenas de vírus diferentes que causam a doença, o que dificulta o desenvolvimento de vacinas.
Já a gripe é causada por um vírus específico, o vírus Influenza, por isso é possível combatê-lo com a vacinação. Porém, como o vírus Influenza se divide em vários subtipos (cepas) que se renovam constantemente, é necessário atualizar a #vacina contra a gripe a cada ano, para que ela seja eficiente ao tipo de vírus circulante no momento.
Tanto a gripe como o resfriado são transmitidos de pessoa para pessoa por gotículas respiratórias”.

Essas vacinas estão disponíveis na Clínica Imunize.

Corujinha, o primeiro hotelzinho infantil

Corujinha, o primeiro hotelzinho infantil

corujinha 2Há pouco tempo, o Corujinha Hotel Infantil abriu as portas em Fortaleza com uma proposta que vem encantando pais e filhos. O espaço é pirulitante e traz conforto, segurança e muita brincadeira a seus “hóspedes”. As crianças que ficam por lá aproveitam para se esbaldar nos diversos ambientes e atividades. Tudo executado e acompanhado por monitoras qualificadas nos cursos de Pedagogia, Psicologia ou Letras.

Para os papais, o Corujinha oferece algo que garante o sucesso do projeto, tranquilidade e preço justo. É a possibilidade de deixar seus pequenos em um local adequado e “de confiança”. Além disso, com uma estrutura exclusiva e inovadora, podendo atender crianças de 6 meses a 12 anos em espaços lúdicos, acolhedores e diferenciados para cada faixa etária e que valorizam sua autonomia e imaginação.

E mais alguns diferenciais: o espaço é aberto 24 horas por dia para a criançada, que podem ser acompanhadas pelos pais em todos os espaços através de câmeras. A temporada por ser por hora, turno, diária e pelo tempo que os papais precisarem de assistência. Para facilitar o pagamento, há vários pacotes. E o cardápio de almoço, lanches ou jantar pode ser contratado no check in com comidinhas da Papinha de Mãe.

Quer saber o que seu filho pode fazer durante a hospedagem? Dormir em cabaninhas, brincar na casa da árvore ou no castelo, jogar na sala de games ou no campinho de futebol são algumas das atrações. Também há espaços próprios para bebês e crianças menores.

Conheçam mais um pouco do local nas fotos abaixo ou clicando aqui.

Corujinha espaço brincar

Corujinha livros

Corujinha campinho e sinuca humana

Corujinha espaço teatro

Corujinha espaço baby 2

Corujinha espaço baby

Corujinha banheiro infantil

Corujinha cabaninhas

Corujinha

 

Dicas infalíveis para fazer o pequeno comer melhor

Dicas infalíveis para fazer o pequeno comer melhor

dica comer melhorA Alice no País das Comidinhas, nutricionista materno infantil de Belo Horizonte (MG), deu algumas dicas incríveis para as mamães que sofrem para seus pequenos comerem melhor:

“Introduzir frutas, legumes e verduras na alimentação infantil é o objetivo de muitos pais de plantão. Entretanto, algumas crianças costumam apresentar uma resistência maior para comer com frequência ou até provar determinados alimentos. Além de vigiá-los para que não comam besteiras ou lanches inoportunos antes das refeições, confira algumas dicas para minimizar as dificuldades desta etapa extremamente importante:

· DÊ O EXEMPLO: seu prato também deve ser balanceado para que a criança perceba esta importância vendo os pais se alimentando corretamente;
· NÃO INSISTA PARA COMER MAIS: acredite, se a criança estiver com fome, ela irá comer. Por isso, deixe as ameaças de lado evitando assim criar um mal estar à mesa, o que vai dificultar todo o processo;
· INSISTA PARA EXPERIMENTAR: aí, sim, está correto. Se ele provou a cenoura ou brócolis, por exemplo, e não aprovou, invista em formas diferentes de preparação e não desista. Especialistas apontam que antes da criança decidir se realmente não gosta de um alimento, ela precisa prova-lo de 8 a 12 vezes.”

@alicenopaisdascomidinhas

Patati Patatá trazem novo show “Sorrir e Brincar”

Patati Patatá trazem novo show “Sorrir e Brincar”

patati patataOs palhaços Patati Patatá apresentam o novo espetáculo “Sorrir e Brincar”, no Theatro Via Sul, durante os meses de junho e julho. O musical estará em cartaz no período das férias e é uma ótima pedida para a criançada. A dupla, que encanta crianças por todo o Brasil, traz a Fortaleza canções já conhecidas do seu repertório como, “Dança do Macaco”, “Lôro e Ronco da Vovó”; grandes clássicos do universo infantil, como “Tindolelê”, “Piuí Abacaxi” e “Ursinho Pimpão”; além de composições de outros autores.

No palco, os palhaços são acompanhados de dançarinos, em um cenário colorido, que propõe aos espectadores uma viagem ao lúdico. Como não poderia ser diferente, “Sorrir e Brincar” traz os ingredientes característicos de Patati Patatá: alegria, humor ingênuo e carinho com as crianças. Uma ótima oportunidade de reunir toda a família, com diversão garantida também para os adultos, que voltam à infância com as canções antigas apresentadas pela dupla.

Serviço:
Patati Patatá em “Sorrir e Brincar”.
Data:17,18, 24, 25 de Junho.
Local: Theatro Via Sul Fortaleza
Horário: Sábado de 14h e 16h, Domingo de 14h e 16h.
Ingressos: Plateia Inferior R$50,00 inteira / R$ 25,00 meia e Plateia Superior R$ 40,00 inteira/ R$ 20,00 meia
Pontos de venda: Bilheteria do Theatro Via Sul e no site ingresso rápido ( www.ingressorapido.com.br
Classificação indicativa: Livre
Informações: (085) 3099.1299